Logo Emagrecer com vida e saude
Search
Close this search box.

Quibe cru: descubra a origem, a história e como fazer esse prato delicioso

quibe cru
Compartilhe esse post:

No Brasil, o prato libanês faz muito sucesso, principalmente o quibe frito que vende em bares como salgado ou aperitivo. Entretanto, existem muitas receitas de quibe, tem o quibe cru, o assado, o frito. Bem como, tem outras variações árabes dele feito com ingredientes locais. Mas deixa te perguntar, você conhece a origem e a história desse prato árabe?

Segundo a história, o quibe teve sua origem durante o império Otomano. Bem como, seu nome deriva do kubbeh que significa bola. A saber, é um prato muito popular no Líbano, inclusive considerado nacional não apenas no Líbano, mas na Síria e no Iraque.

A receita se espalhou por aí, graças aos imigrantes desses países que levaram a cultura árabe pelos quatro cantos do mundo. Entretanto, tanto na Síria quanto no Iraque por exemplo, existem outras variações da massa tradicional do quibe. Por exemplo, na Síria eles fazem quibe com massa de arroz, uma espécie de crosta chamada de kubbat Halab.

Todavia, no Iraque, mistura-se carne com trigo, depois enrola-se compondo um formato redondo e chato que é frito e leva o nome de Kubbat Monsul. E por fim, existe um tipo de quibe assírio/iraquiano, no qual o quibe é misturado com tomates e temperos. Posteriormente, cozido e servido.

Esse último é o mais popular no Brasil e conhecido como o famoso salgado vendido em padarias e bares. Mas na cozinha brasileira, ele ganhou alguns ajustes para ficar mais agradável ao paladar do brasileiro. Portanto recebe recheios de ovo, de carne seca, de requeijão, de ervas finas e por aí vai.

O quibe tradicional feito de carne moída fresca (patinho), trigo (tabule) e temperos, pode ser servido frito, assado ou cru acompanhado de salsas, cebola, hortelã, coalhada e outros. Por fim, o quibe árabe, em seus países de origem, é acompanhado de coalhada (labneh)

Leia também >> Bolinho de bacalhau, receita tradicional portuguesa

Leia também >> Caponata Siciliana, um prato delicioso de origem italiana

A receita, os ingredientes e o preparo

Ingredientes

  • 1kg de carne bovina (patinho), sem nervos e sem gordura, cortada em cubos e passada pelo moedor de carne
  • Uma xícara de trigo fino claro
  • 2 tomates bem vermelhos, sem sementes e cortados em quatro pedaços
  • 2 cebolas médias cortadas em quatro
  • 6 pedras de gelo (mais ou menos)
  • 1 punhado de sal a gosto
  • Um maço de hortelã fresca (para decorar)
  • 1 galho de cebolinha (para decorar)
  • Um punhado de pimenta-síria ou cominho moído ou pimenta do reino em pó (opcional)
quibe cru receita

Modo de preparo

Primeiramente, lave bem o trigo e deixe de molho na água por cerca de dez minutos. Escorra com as mãos, espremendo bem, para retirar toda a água.

Em seguida, junte o trigo à carne com o gelo, o tomate, o sal e os temperos (opcional) e moa tudo junto novamente. Misture bem com as mãos, para que fique homogêneo.

Por fim, coloque em uma travessa e decore com ramos de hortelã fresca, cebola e cebolinha verde.

Dicas importantes

Escolha um trigo fino de boa qualidade, de sabor mais delicado. Bem como, ramos de hortelã bem fresca. Ela murcha rapidamente, então tire da geladeira apenas na hora de servir.

Prefira a parte central do patinho, bem limpo e moído em casa, imediatamente antes de servir. A saber, a carne moída no açougue, perde frescor e fica escura.

Armazene a carne no congelador por cerca de 15 minutos. Outrossim, não deixe o trigo de molho por mais de dez minutos. Coloque as pedras de gelo na carne antes de misturá-la ao trigo.

Para comer de acordo com a tradição

Abra o montinho de carne com o garfo, espalhe pelo prato e amasse para ficar uma camada fina. Com a mão, pegue brotos de hortelã e rasgue em cima da carne, por fim, cubra com a cebola picadinha e regue com um bom azeite.

Salpique o tempero especial de pimenta-síria (no Arabia, a receita é preparada com sete especiarias). Pegue um pedaço de pão árabe, envolva um pouquinho do quibe com seus temperos e coma. A saber, o quibe cru deve vir acompanhado com a “massáuaque”, uma carne moída refogada e as partes brancas das cebolinhas.

Te convidamos a visitar nosso Instagram e nossa Página no Facebook… Se gostou, curta, compartilhe e nos ajude a divulgar conhecimento.