Tosse seca com catarro grudado, como eliminar e sentir alívio imediato

tosse nunca mais
Compartilhe esse post:

Todos os tipos de tosse são importantes para o organismo, pois são formas que o corpo utiliza para se livrar de corpos estranhos que podem ser prejudiciais para a saúde. Quando algo irrita a garganta ou as vias aéreas, o sistema nervoso envia um alerta ao cérebro. O cérebro, por sua vez, responde fazendo com que os músculos do tórax e do abdômen se contraiam e liberem uma rajada de ar — o que é a tosse em si — a fim de se livrar do agente invasor. Logo, a tosse com catarro pode ocorrer como resultado de uma infecção por vírus ou bactérias, com o objetivo de expulsar esses agentes infecciosos e o muco acumulado por eles.

Leia também >> Pastilhas medicinais feitas em casa, eliminam e trata a tosse com catarro

Leia também >> Xarope de beterra elimina a tosse, cura gripe e resfriados e aumenta a imunidade

Outrossim, existem os casos de tosses causadas pelo contato com alérgenos como poeira, ácaros, pólen, pelos de animais, etc. Mas não para por aí: a tosse pode ser resultado de um afogamento ou engasgo, ou ainda ser causada por outros tipos de condições ou doenças. Popularmente, os tipos de tosse são conhecidos como tosse seca ou tosse carregada (com catarro). De fato, qualquer um dos tipos de tosse se encaixam dentro dessa classificação. No entanto, essa é uma forma mais geral de classificar a tosse. Na prática, existem vários tipos de tosse, e nós falaremos sobre os principais nos tópicos a seguir.

chá de louro

Tipos de tosse com catarro ou sem

Tosse produtiva

Popularmente, a tosse produtiva — como é chamada clinicamente — tem muitos outros nomes: tosse carregada, tosse com catarro, tosse com expectoração. Esse é o tipo de tosse que expele muco, e suas causas estão, geralmente, relacionadas a infecções das vias respiratórias, incluindo gripes, bronquite, pneumonia, sinusite e até tuberculose.


Um ponto importante a se observar, de fato, é a cor do muco expelido. Expectorações transparentes ou claras geralmente são pouco preocupantes e tendem a desaparecer rapidamente. Agora, se o muco é mais espesso e tem cor mais amarelada ou esverdeada, é importante procurar atendimento médico, pois esses casos geralmente estão associados a infecções. Bem como, procure atendimento médico urgente se a tosse produtiva for acompanhada de febre, ou de muco com sangue.

Tosse seca

A tosse seca certamente é um dos tipos de tosse mais comuns. Como o próprio nome diz, é seca, ou seja, não há presença de muco ao tossir. É comum que a tosse seca seja a reação a uma coceira ou irritação na garganta. As causas mais comuns para o problema são as infecções do trato respiratório superior, como um resfriado, gripe ou alergia, por exemplo. A tosse seca costuma ser difícil de controlar e pode se manifestar por várias semanas. Outras possíveis causas de tosse seca incluem: laringite; dor de garganta; amidalite; sinusite; asma; alergias; refluxo gastroesofágico; exposição a agentes irritantes, como poluição do ar, poeira ou fumaça.

Tosse persistente

A saber, uma tosse que persiste por muito tempo pode ser mais difícil de diagnosticar. O mais comum é que esse tipo de tosse ocorra após uma infecção das vias respiratórias, como a gripe, por exemplo. Nesses casos, geralmente a tosse persiste, mesmo após os demais sintomas terem sumido e não haver mais sinal de infecção. Isso acontece porque as vias respiratórias ainda estão irritadas pela tosse que ocorreu durante a infecção. Com isso, a pessoa continua tossindo e segue irritando o local afetado, criando um ciclo que pode durar semanas. Muitas vezes, basta aumentar a ingestão de água para controlar esse tipo de tosse. No entanto, apenas o médico pode avaliar um caso de tosse persistente para orientar o tratamento.

Outras causas para a tosse persistente podem ser reações a alguns tipos de medicamentos, ou ainda a bronquite crônica em fumantes. Nesses casos, a tosse só irá melhorar, suspendendo o uso da substância que a causa. Importante, sublinhar, que para qualquer tipo de tosse, é sempre importante consultar o médico e seguir as recomendações do mesmo. Todavia, existem alguns tratamentos naturais para a tosse, para eliminar aquele resto de catarro que fica grudado nas vias áreas.


Tratamentos naturais para tosse com catarro

Um tratamento que ajuda a limpar a garganta do catarro, é fazer gargarejo com água morna salgada e limão. Esse procedimento desinfeta a garganta e ajuda a acalmar a tosse de noite. Basta aquecer a água, misturar uma colher de (sopa) de sal, dissolver bem e misturar 1 colher de (sopa) de suco de limão. Coloque na boca e gargareje por 30 segundos, repita a operação várias vezes com a cabeça inclinada para cima e vai soltando o ar dos pulmões e gargarejando. Esse procedimento ajuda a amolecer o catarro e limpar a garganta, dando alívio para a tosse.

A saber, outra dica excelente, é tomar uma colher (sopa) de mel com pimenta branca. A pimenta branca tem propriedades expectorantes e rapidamente derrete o catarro grudado nas vias respiratórias. Portanto, você enche a colher de mel e por cima polvilhe pimenta branca e engole devagar, basta 2 x por dia e em poucos dias vai começar a expelir o catarro grudado nas vias respiratórias.  O chá de cebola também é um excelente expectorante, faça infusão com acebola e a casca da cebola amarela. Tome o chá 3 x por dia, se tiver gengibre em casa, coloque um pedacinho também para aliviar o sabor e ajudar a tratar a infecção. Contudo, a cebola também pode ser cortada e colocada na cabeceira da cama de noite. Ela ajuda a expectorar e controlar a tosse.

Adicional

Tomar água com folhas de louro todas as manhãs em jejum, também é excelente para eliminar todo catarro grudado nas vias respiratórias. Portanto, você pode por as folhas de molho na água de noite, e no dia seguinte em jejum, tomar a água. Outro modo, é fazer o chá com as folhas de noite, deixar a infusão toda a noite e no dia seguinte tomar a água, essa bebida deve ser feita por vários dias seguidos, até que o catarro seja eliminado por completo e ao longo dos dias a tosse vai diminuindo, acalmando. Isso porque, as propriedades do louro, vão limpando as vias respiratórias.

Te convidamos a visitar nosso Instagram e nossa Página no Facebook… Se gostou, curta, compartilhe e nos ajude a divulgar conhecimento.


error: Conteúdo Protegido!