Você não vai querer mais tomar água durante as refeições, veja porque

tomar água durante as refeições faz mal
Compartilhe esse post:

Afinal de contas, tomar água durante as refeições pode ou não pode? O que tem de errado, o que acontece e por que devemos evitar de consumir água enquanto comemos. Hoje você vai entender tudo isso e garanto, que você não vai mais querer tomar líquidos enquanto come. A saber, segundo os nutricionistas, o ideal é consumir 1 copo de água antes de cada refeição e somente 1h depois de ter se alimentado, você pode tomar água novamente. De acordo com pesquisas, o ato de comer e beber ao mesmo tempo pode trazer problemas, principalmente ligados à digestão.

Leia também >> 5 carboidratos saudáveis que todos deveríamos consumir

Leia também >> 10 alimentos que você come com frequência e que engordam muito

De acordo com as nutricionistas, o ideal é separar o consumo dos dois alimentos de forma equilibrada. Portanto, o ideal é beber 30 minutos antes de comer ou 1 hora após uma refeição, pois a maior preocupação é a digestão. Outrossim, a absorção correta de nutrientes, que pode gerar problemas estomacais, como gases e flatulências. Bem como, o excesso de líquido ingerido interfere no processo digestivo e em alguns casos, pode inclusive atrasar a digestão. Principalmente quando a pessoa toma muito líquido durante a refeição. Ademais, quando ingerimos muito líquido durante as refeições, a concentração de ácido clorídrico presente no estômago diminui e algumas enzimas são diluídas. O excesso de líquido também poderá diminuir a absorção de alguns nutrientes importantes.

água durante as refeições prejudica a digestão

Considerações importante sobre tomar água durante as refeições

Na verdade, qualquer tipo de líquido atrapalha o processo digestivo e pode causar problemas. Isso vale para sucos, refrigerantes, vinhos, água. O equívoco ocorre em achar que somente bebidas artificiais fazem mal e que, portanto, água pode. Água durante as refeições não pode, porque é sempre líquido. Como lemos anteriormente, o líquido dispersa o alimento e isso traz complicações no processo digestivo. Bem como, atrapalha o mecanismo da saciedade. Portanto, consumindo os líquidos durante esse processo, você causa uma distensão da parede estomacal, que é flexível, e com isso dá uma falsa impressão ao cérebro de que o estômago está vazio e que cabe mais comida. Embora, as pessoas estejam acostumadas, é necessário aos poucos mudar esse hábito para ter mais saúde e inclusive perder peso.


Seja antes ou depois das refeições, você pode consumir água e sucos naturais, principalmente os sucos cítricos, que são ricos em vitamina C. Sucos de laranja, limão, tangerina e abacaxi, 1 hora depois da refeição, fazem muito bem a digestão, pois além de vitaminas, eles são ricos em nutrientes que reforçam as defesas do organismo. Ainda ajuda a eliminar as toxinas, controlar as taxas de colesterol. Enfim, eles são riscos em sabor, minerais e vão fazer bem ao organismo na fase final da digestão da refeição. Como citado anteriormente, o brasileiro tem a cultura de comer e beber junto, hábito errado, pois isso favorece o aumento de peso, visto que quanto mais líquido consumir, maior será o tempo de digestão.

Como mudar esse contexto

Diante do contexto, beber líquidos durante as refeições é mais um hábito social do que propriamente uma necessidade. Além disso, devemos lembrar que outros hábitos importantes auxiliam o processo de digestão, entre eles a mastigação lenta, que poucas pessoas acabam fazendo. O ato, aliás, é atrapalhado se você utiliza algum líquido para “empurrar” a comida. Na verdade, o cérebro precisa de tempo para entender que você está abastecendo seu estomago com alimento, e nesse caso, tomando líquido para empurrar a comida, vai atrapalhar o processo.

Contudo, além de dilatar o estômago, a informação que vai para o cérebro é de que o volume de alimento no estômago é maior. O líquido é absorvido rapidamente e, pouco tempo depois das refeições, o cérebro pode identificar que você precisa de mais alimentos. A chance de você comer mais da próxima vez é grande. Por isso, não é falso afirmar que os líquidos durante as refeições engordam, porque eles enganam o cérebro, dilatam o estomago, atrapalham a sensação de saciedade e ainda estimulam o consumo de mais alimentos.

Tomar água durante as refeições faz mal

Portanto, ao considerar tudo que lemos e aprendemos, não é fácil entender que realmente os líquidos atrapalham a nossa digestão, enganam o cérebro, e ainda nos estimulam a comer mais do que deveríamos. Logo, é um hábito que precisa aos poucos ser mudado a fim de ganhar mais qualidade de vida. Prevenir o ganho de peso e ter mais saúde estomacal. A saber, o estomago, é um órgão importante e que precisa de cuidados. Se você como eu, também possui o hábito de tomar muito líquido durante as refeições, talvez seja hora de mudar. Em último caso, se realmente precisar do líquido, dê preferência a uma pequena quantidade de água gelada e evite ao máximo a ingestão de sucos artificiais.


Te convidamos a visitar nosso Instagram e nossa Página no Facebook… Se gostou, curta, compartilhe e nos ajude a divulgar conhecimento.


error: Conteúdo Protegido!