Logo Emagrecer com vida e saude

Cândida: embora comum, 1 a cada 3 mulheres sofrem desse distúrbio

Como tratar a candida
Compartilhe esse post:
Compartilhar em facebook
Compartilhar em twitter
Compartilhar em pinterest
Compartilhar em whatsapp

O fungo cândida pode ocorrer em diferentes partes do nosso corpo, uma das infecções mais comuns por cândida é oral. Todavia, as mulheres são as que mais sofrem com a cândida vaginal.

Dentre os tantos microrganismos que podem afetar a nossa saúde, os fungos são um dos mais incômodos. Isso porque, produzem uma série de sintomas bastante incômodos e desagradáveis. Outrossim, se reproduzirem com muita facilidade e não é fácil erradicá-los. Principalmente a o fungo que provoca a cândida.  

Dentre os diversos tipos de fungos que podem infectar nosso corpo, o fungo cândida é um dos mais conhecidos. Bem como, ele é o responsável pela produção do que se conhece como candidíase. A candidíase pode ocorrer em diferentes partes do nosso corpo.

Todavia, uma das infecções mais comuns provocadas pela cândida, é a oral, que é chamada de sapinho, produzindo uma série de inflamações que podem atingir o esôfago. Entretanto, a candidíase também pode aparecer em áreas íntimas e na pele. Bem como, em casos mais graves pode atingir a corrente sanguínea.

Sintomas da Candidíase – os mais comuns são: coceira; irritação vaginal; queimação; vermelhidão; dor e desconforto vaginal; erupções; corrimento vaginal aquoso, espesso e branco como queijo cottage com forte cheiro e em alguns casos, pode inclusive fazer uma vaginite com pus esverdeado.


Candidíase intima feminina

A saber, as mulheres sofrem muito com o distúrbio da cândida. Principalmente aquelas que possuem um aparato genital delicado. Outrossim, que possuem uma imunidade baixa, bem como, são sensíveis a antibióticos. Há mulheres por exemplo, que todos os meses 5 dias antes ou 5 dias depois do ciclo menstrual, possuem cândida!

Isso porque, são assim consideradas delicadas e mais sensíveis a esse fungo, que todos nos temos dentro do intestino grosso e que a qualquer momento pode se manifestar. Principalmente em situações de estresse, onde as suas emoções estão desiquilibradas, ou quando está fazendo uma dieta de baixa caloria. Enfim, são muitos os contextos.

como tratar a candida

Isso porque, a levedura Candida Albicans, é um residente normal de nossa flora bacteriana que geralmente não causa nenhum desconforto. Entretanto, quando o estresse, ou uma dieta incorreta ou antibioticoterapia destroem a flora bacteriana natural, a cândida assume o controle e se manifesta nas mulheres, especialmente na forma de cândida vaginal.

Outrossim, podemos tratar a cândida vaginal com remédios naturais e precauções: em primeiro lugar, a prevenção. Todavia, nosso conselho é consultar um médico e ouvir sua opinião. Entretanto, alguns remédios naturais também podem ser muito eficazes no tratamento da cândida da vaginal.

Os remédios naturais são os mais indicados naqueles casos em que a pessoa sofre de cândida com frequência. Porque não dá para ir à farmácia comprar óvulos todo mês! Esses medicamentos são caros, a longo término o corpo vicia e nem faz mais efeito. Portanto, para quem sofre com certa frequência desse problema, o conselho é tratar e prevenir em dicas caseiras e naturais.


Como tratar a infecção naturalmente?

Embora seja melhor ir a um médico para receber um diagnóstico e receber um tratamento adequado, existem muitos remédios caseiros que cotribuem para o processo de cura da cândida. Por isso é importante que você preste atenção e aprenda a preparar o seguinte produto natural tratamentos.

Remédio natural para tratar a infecção vaginal

Quando a cândida afeta a parte íntima de uma mulher, devemos tratá-la com cuidado. Portanto, desta vez, usaremos um elemento bastante saudável, como por exemplo, o iogurte.

Para preparar este tratamento devemos utilizar 125 gramas de iogurte natural e ter um tampão íntimo ou seringa à mão. Com estas ferramentas vamos introduzir um pouco de iogurte na vagina com o intuito de diminuir um pouco o pH e retardar a reprodução do fungo.

No caso de não ter iogurte, podemos usar algumas gotas de óleo da árvore do chá, mas estas devem ser repostas em períodos de no máximo 6 horas. Outrossim, podemos utilizar este tratamento para homens, apenas devem aplicá-lo durante as horas de descanso, já que a umidade em suas roupas íntimas costuma ser muito incômoda.

Remédio para infecção por fungos na genitália masculina

Assim como podemos utilizar a primeira receita para homens, essa também funciona para a s mulheres. Neste caso, usaremos 2 colheres de chá de folhas de uva-ursi (planta medicinal), que deixaremos descansar em um copo de água quente por 5 minutos. Posteriormente, podemos beber pelo menos 3 vezes ao dia.

remédio para candida

Remédio natural para infecção de fermento oral

Caso ocorra a cândida na boca, devemos preparar uma tônica natural com flores de poejo, que deixaremos descansar em água quente por 15 minutos. Posteriormente, coar e embeber um chumaço de algodão que usaremos para espalhar na boca.

Remédio para infecção por fungos no intestino

Prepararemos este remédio colocando 2 colheres de sopa de pau d’arco em um litro de água fervente. Em seguida, deixar repousar por 10 minutos. Posteriormente, coar e consumir 3 doses ao dia. No caso de não possuir pau d’arco (cascas do Ipê Amarelo), podemos substituí-lo pelo alho, pois possui poderosas propriedades antifúngicas e anti-inflamatórias.

Se quisermos preparar a água de alho, basta colocar 5 dentes de alho num copo de água durante cerca de 6 horas, depois coar e beber. Muito simples, o problema é que deixa um pouco de halitose e muitos não tomam por conta do forte cheiro.


Óleo de coco contra infecção

O óleo de coco, ideal para combater a cândida. Podemos utilizar como unguento nas zonas genitais ou para a pele de várias partes do corpo. Outrossim, possamos utilizá-lo para preparar algumas receitas e ajudar na cura da candidíase oral e intestinal.

Considerações finais

Como mulher sou muito sensível, e de fato não posso tomar antibióticos. Basta iniciar um tratamento à base de antibióticos que embaixo estoura a cândida, é um grande transtorno e sofrimento. A aplicação do iogurte ajuda muito e o alívio é imediato.

Todavia, quero compartilhar com vocês alguns truques que funcionam para mim e pode funcionar para vocês também. Entretanto, considerem que cada organismo reage de uma forma. Para aliviar as coceiras por exemplo, eu uso bicarbonato de sódio.

O bicarbonato alivia a coceira, lava com profundidade e deixa sequinho e desinfetado. Algumas crises de candidíase eu consigo controlar apenas usando água e bicarbonato. Outro truque comum é o uso do vinagre de maçã, também funciona muito bem, mas atenção tem que ser vinagre orgânico.


Assim como lavamos com bicarbonato, podemos lavar com o vinagre de maçã, 1 copo de 200ml para 1 litro de água. O vinagre acalma a irritação e o alívio também, é quase imediato. Por fim, outra dica que eu quero deixar para vocês é o óleo de cravo.

O óleo de cravo tem propriedades calmantes e alivia a irritação, a coceira, desinfeta e em alguns casos também usando 3 x ao dia, pode tratar e no fim a cândida desaparecer. Isso já aconteceu comigo.

Te convidamos a visitar nosso Instagram e nossa Página no Facebook… Se gostou, curta, compartilhe e nos ajude a divulgar conhecimento.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!