Chá de ervas extermina nódulos, cistos, colesterol alto, lúpus e alergias

chá de ervas medicinais
Compartilhe esse post:

A natureza é o maior laboratório a céu aberto que existe. Uma farmácia natural completa que era utilizada antigamente e com a modernidade, muitos a substituíram por remédio químicos criados em laboratórios. A saber, lá para cá, os remédios químicos foram ganhando sempre mais espaço. Entretanto, tem um problema, grave inclusive, eles funcionam para um problema de saúde, mas seus efeitos colaterais criam outros problemas. Essa é a mais pura verdade. Por isso, muitos ainda continuam no chá de ervas medicinais. Isso porque, são naturais, não fazem mal a saúde, não possuem efeitos colaterais. Bem como, muitos deles, saibam, são a base para os remédios químicos. Todavia, quando uma planta é manipulada em laboratório e ganha outros aditivos, deixa de ser natural e se torna químico.

Leia também >> Estômago inflamado e fígado gordo, uma xícara de chá ao dia resolve

Leia também >> Ansiedade, cólicas e perda de peso, o chá de noz moscada faz milagres

A saber, os chás medicinais eram os únicos remédios que existia antigamente, e todos eram tratados com infusões e antídotos a base de ervas. Engraçado e até curioso, que se voltarmos na história, constatamos que funcionava. Aquele povo antigo, sabia como desfrutar de todos os benefícios terapêuticos das plantas e utilizando-as com sabedoria, conseguia criar remédios para todos os males. Todavia, isso não mudou, as plantas continuam com seus benefícios terapêuticos, continuam sendo um sucesso, continuam curando. Mas poucos, recorrem aos tratamentos alternativos.

Hoje por exemplo, vamos aprender mais sobre o dente de leão. Dessa planta fazemos o chá de ervas medicinais que podem tratar, prevenir e curar muito males. Isso porque, é rica em compostos fenólicos, flavonoides, carotenoides e oligofrutanos, garantindo a essa planta propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e hepatoprotetora, sendo, portanto, útil para auxiliar no tratamento de diferentes doenças.


chá de ervas naturais

Chá de ervas de dente de leão

A saber, a planta é fonte de antioxidantes, vitaminas e diferentes propriedades medicinais. Bem como, o chá de ervas medicinais de dente-de-leão se destaca por fortalecer a imunidade e auxiliar no tratamento de diversos problemas (principalmente relacionados ao fígado e ao coração). Pertencente ao grupo das plantas medicinais, o dente-de-leão é composto por flores amarelas, folhas em formato de dentes e raízes que são perfeitas para fazer uma infusão terapêutica. O chá de ervas da planta protege o fígado de doenças, estimula a perda de peso, por causa da sua ação diurética e antioxidante. Bem como, previne doenças cardiovasculares, ajuda a combater a glicose no sangue, previne o câncer, favorece a saúde gastrointestinal e limpa o aparato respiratório de todo catarro.

Outrossim, para as mulheres, ele cuida da saúde do aparato feminino, ajudando a tratar miomas, nódulos, cistos no ovário e útero. Bem como, ajuda a diminuir o colesterol alto e ainda é um reforço no tratamento de lúpus. A saber, a planta é rica em vitaminas A, do complexo B, C, E e K. Também, minerais como cálcio, potássio e ferro. De todas as plantas medicinais, podemos dizer que o dente de leão realmente é uma planta terapêutica completa. Bem como, uma das mais utilizadas desde a antiguidade para doenças cardiovasculares, do fígado, do útero. Outro detalhe muito importante a saber, é que não são das flores amarelas que se faz o chá de ervas, mas sim da raiz, porque as propriedades se encontrão na raiz.

Como fazer o chá de ervas medicinal

Ao contrário do que muitos pensam, não são as flores amarelas do dente-de-leão que devem ser usadas no preparo do chá, mas sim a raiz da planta (que contém uma quantidade grande de antioxidantes e compostos medicinais). Para fazer uma bebida bem terapêutica, a nossa dica é preparar uma infusão com a planta fresca e tomar logo em seguida. Para isso, vamos precisar de 300 ml de água e 1 colher (sopa) abundante de raiz de dente de leão. O preparo é bem simples, como todo chá de ervas, comece colocando a água para ferver. Quando começar a borbulhar, apague o fogo e introduza a raiz. Tampe o recipiente, espere 8 minutos e, depois, é só coar e servir na xícara. Prontinho para o consumo.

Suco de dente de leão

Se você não gosta muito de chá de ervas, pode fazer o suco da planta que também tem o mesmo efeito, basta seguir a receita logo abaixo. Vamos precisar de folhas novas de dente de leão e uma caixinha de água de coco. Eu geralmente uso aí uma 4 ou 5 folhinhas da planta. O preparo é simples, primeiramente, bater as folhas em um processador, juntamente com a água de coco e tomar três vezes ao dia. Geralmente, as folhas de dente-de-leão possuem um sabor amargo e, por isso, devem-se usar as mais novas, cujo sabor é menos intenso. Além disso, podem-se misturar outros ingredientes, como suco de maçã, hortelã e gengibre, por exemplo, para melhorar o sabor e conferir mais propriedades a este suco.


Efeitos colaterais

O dente-de-leão, é considerado seguro e é bem tolerado devido ao seu baixo nível de toxicidade. No entanto, apesar de raro, pode provocar transtornos gastrointestinais ou reações alérgicas em pessoas sensíveis, devido à presença de componentes alergênicos como ácido taraxínico e lactona sesquiterpênica. Antes de fazer o chá em casa e consumir, consulte seu médico. Não podemos consumir remédios sem a permissão do nosso médico. Nem mesmo chás naturais, porque mesmo sendo um chá, ele é um remédio natural.

Te convidamos a visitar nosso Instagram e nossa Página no Facebook… Se gostou, curta, compartilhe e nos ajude a divulgar conhecimento.


error: Conteúdo Protegido!