10 remédios naturais que combatem o vitiligo e protegem sua pele

sintomas e cuasas do vitiligo
Compartilhe esse post:
Compartilhar em facebook
Compartilhar em twitter
Compartilhar em pinterest
Compartilhar em whatsapp

Provavelmente, em algum momento você já deve ter ouvido falar dessa doença chamada vitiligo. A saber, o vitiligo é uma doença caracterizada pela perda da coloração da pele.

As lesões formam-se devido à diminuição ou à ausência de melanócitos, ou seja, células responsáveis pela formação da melanina, pigmento que dá cor à pele nos locais afetados.

Infelizmente pessoas que sofrem desse problema, em sua maioria se sente muito constrangidas com a situação. As manchas brancas, principalmente no rosto, causam certo constrangimento para quem tem o problema. Embora seja um contexto deliciado, visto que a doença afeta a autoestima do paciente, a boa notícia, que existem tratamentos.

Sintomas e causas do vitiligo

Todavia, o vitiligo não tem cura. Existem tratamentos a base de produtos naturais e químicos e em alguns casos, depois de meses de tratamento, é possível fazer com que as manchas brancas fiquem quase invisíveis. Isso porque, algumas pomadas conseguem ao longo do tempo, devolver a pele a cor natural.

Todavia, os sintomas da doença são o aparecimento das manchas brancas por todo corpo, podendo inclusive aparecer de forma rara no cabeço e no céu da boca. O único efeito colateral do vitiligo, é a autoestima do paciente que fica muito baixa com a situação estética.


Bem como, não existe uma causa específica para o vitiligo, a doença não é contagiosa, ou seja, não pega vitiligo de ninguém e nem se transmite. Entretanto, estudos apontam que uma das principais causas da doença, provocado pelo estresse forte ou algum trauma psicológico enfrentado pelo paciente.

Além dos tratamentos convencionais já citados, o paciente afeto do vitiligo pode fazer a terapia há base de luz. Bem como, em último lugar, existem procedimentos cirúrgicos que injetam a melanina diretamente na epiderme.

Uma dieta saudável ajuda também na luta contra a doença. Por exemplo, aumentar a ingestão de nutrientes como zinco, vitaminas B e B12, acido fólico. O consumo desse tipo de integrador alimentar, demostrou em estudos grande eficiente e melhoria no paciente.

Logo abaixo, apresentamos algumas alternativas naturais que são aliadas na reposição da melanina de forma natural. Por serem produtos naturais, você terá que consumir por alguns meses para obter os resultados. Importante é não desistir, que persiste sempre vence.

vitiligo tratamentos

1. Experimente Ginkgo Biloba

Ginkgo biloba é uma erva milenar valorizada e reconhecida por suas múltiplas propriedades medicinais. A pesquisas mostram que pode ajudar a interromper a progressão do vitiligo, bem como estimular a repigmentação.


A saber, um estudo descobriu que a progressão ativa do vitiligo cessou significativamente em pessoas que tomaram extrato de ginkgo biloba três vezes ao dia. Um número maior de pessoas que tomaram o extrato também experimentou uma repigmentação marcada ou completa em comparação com as pessoas que tomaram um placebo.

Como vimos, o estresse oxidativo desempenha um papel na patogênese do vitiligo. Bem como, as propriedades antioxidantes e imunomoduladoras dessa erva, podem ser responsáveis ​​por seu efeito benéfico em pessoas com essa doença.

2. Aplique óleo de cominho preto

Um médico fitoterapeuta pode orientá-lo sobre o uso e a dosagem desses remédios naturais. Você também precisará fazer um teste de alergia antes do uso tópico.

Outro remédio natural que pode ajudar a combater o vitiligo é o óleo de cominho preto. Um estudo avaliou o efeito da aplicação de óleo de cominho preto por seis meses em pessoas com vitiligo. Verificou-se que, com o tempo, a cor da pele melhorou e as áreas despigmentadas diminuíram.

Acredita-se que um composto conhecido como timoquinona, presente nas sementes de cominho preto, seja o responsável por esse efeito. A timoquinona protege contra o estresse oxidativo. Também pode estimular um neurotransmissor chamado acetilcolina, que pode causar liberação de melanina e o escurecimento da pele.

3. Use óleo de Bakuchi ou Bakuchiol

A saber, se trata de um óleo medicinal poderosa conhecido como óleo de bakuchi. Bem como, é preparado a partir do óleo de gergelim e dos frutos secos da planta babchi (Psoralea corylifolia). Outrossim, é frequentemente usado para tratar o vitiligo e outras doenças de pele.

O uso tópico do óleo de bakuchi pode estimular os melanócitos quando expostos à luz ultravioleta e promover pigmentações graças ao seu conteúdo de psolaren. Curiosamente, um estudo também descobriu que a aplicação de uma pomada que continha pó de semente de babchi melhorou significativamente os níveis de pigmentação em pequenas manchas brancas de vitiligo.

Uma pasta de pó de semente de babchi também é comumente aplicada para remediar o vitiligo. Esse óleo bakuchi é famoso e bem popular pelos amantes da medicina natural. Ele serve para tratar inúmeros problemas de saúde. Seu uso é muito simples, é aplicado diretamente na pele e feito massagens para a absorção.

causas vitiligo

4.  Extrato de samambaia

Outro remédio do reino vegetal para o tratamento do vitiligo é a samambaia. A saber, esta planta tem propriedades antioxidantes e imunomoduladoras que a ajudam a combater a doença de pele. Um estudo descobriu que os pacientes que consumiram um extrato de samambaia três vezes ao dia.

Bem como, receberam fototerapia UVB de banda estreita duas vezes por semana. Por um período de 25 a 26 semanas mostraram uma repigmentação muito melhor do que os pacientes que tomaram um placebo. A pesquisa parecia indicar que os extratos de samambaia podem ter um efeito mais concreto em pessoas com pele mais clara.

5. Erva Nepalês

A saber, a erva nepalesa é um remédio para tratar o vitiligo. Estudos mostram que tirar o pó da raiz dessa planta junto com a foto quimioterapia leva a uma repigmentação melhor do que a foto quimioterapia sozinha.

Esta erva tem propriedades imunomoduladoras e antioxidantes que podem ser responsáveis ​​por sua eficácia no tratamento do vitiligo. Você encontra em lojas de produtos naturais em pó ou até mesmo em capsulas.

6. Complexo Bairesi chinês

Este é um remédio à base de ervas para o vitiligo que vem da China. Uma formulação conhecida como complexo de Bairesi que consiste no extrato de água quente de 5 ervas, a saber, Psoralea corylifolia, Brassica juncea, Vernonia anti-helmíntica, Plumbago zeylanica e Nigella glandulifera, é usada na medicina tradicional chinesa para tratar esta condição.

Bem como, estudos descobriram que esta formulação medicinal promove a formação e repigmentação da melanina. Um praticante de medicina tradicional chinesa, provavelmente pode te ajudar e orientar a respeito do uso do complexo bairesi.

como tratar as manchas brancas

7. Folha de figo

O suco de folhas de figueira tem sido usado para tratar o vitiligo na medicina tradicional. Às vezes, é aplicada uma pasta com o suco fresco das folhas e raízes em pó. Então, como funciona esse remédio? A pesquisa mostra que as folhas de figueira contêm possuem propriedades bioativas que após estudos, demonstraram grande eficiente no tratamento do vitiligo.

8. Infusão de Ghee manteiga clarificada com pimenta

A piperina, um composto presente na pimenta-do-reino, tem forte efeito na proliferação de melanócitos. De acordo com um estudo, a aplicação tópica de piperina junto com o tratamento ultravioleta B de banda estreita resultou em uma repigmentação significativamente melhor do que o tratamento ultravioleta B de banda estreita sozinho.

Alguns especialistas também sugerem tomar ghee ou manteiga clarificada com pimenta. Para preparar este ghee, cozinhe 10 grãos de pimenta em 10 g de ghee por alguns minutos, retire a pimenta e coloque o ghee junto com as refeições.

9. Alimentos ricos em vitamina B12 e ácido fólico

Este tratamento também impediu a disseminação do vitiligo em 64% dos participantes. Embora não esteja definitivamente claro como esse remédio funciona, os especialistas sugerem que a vitamina B12 pode diminuir a regulação da formação de homocisteína, um aminoácido que está implicado na despigmentação.

Você pode obter vitamina B12 de fígado bovino, mariscos, carne, peixe, ovos e leite, enquanto vegetais de folhas verdes, ervilhas e feijões secos e frutas cítricas são boas fontes de folato. Outrossim, você também pode falar com seu médico sobre a suplementação.


10. Certifique-se de consumir zinco suficiente

Alguns especialistas sugerem que o zinco também pode ser útil no tratamento e prevenção do vitiligo. A saber, o zinco desempenha um papel na formação da melanina e pode ajudar a prevenir a morte das células formadoras de melanina ou dos melanócitos.

Também pode inibir a produção de radicais livres que levam ao estresse oxidativo e à destruição dos melanócitos. Além disso, algumas pesquisas indicam que as pessoas com vitiligo têm baixos níveis de zinco. Portanto, opte por alimentos ricos em zinco como ostras, aves, nozes, frutos do mar e grãos inteiros.

Te convidamos a visitar nosso Instagram e nossa Página no Facebook… Se gostou, curta, compartilhe e nos ajude a divulgar conhecimento.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!