Colesterol: 12 alimentos proibidos, isso para manter o corpo saudável


Para se manter saudável, quando se trata de colesterol, existem muitos alimentos que precisam ser evitados. Por isso, na postagem de hoje vamos descobrir quais são eles e porque eles alteram nosso organismo de tal forma a provocar o colesterol alto. Outrossim, vamos falar um pouco sobre a doença e te ajudar nessa caminhada de equilíbrio entre o que pode e o que não pode.

Quem sofre de colesterol alto sabe bem que a primeira recomendação do médico, é sempre evitar alimentos que aumentem o colesterol. Outrossim, a confirmação de que você precisa manter uma dieta equilibrada, é sempre um pouco difícil de lidar. Isso porque, há tantos alimentos com colesterol e muitos deles estão entre aqueles que estamos acostumados a comer todos os dias.

Então o que fazer? Primeiramente aceitar o fato e começar uma dieta. Felizmente, você só precisa se organizar para encontrar um equilíbrio e começar a se alimentar de forma saudável. Bem como, aprendendo tudo sobre o colesterol e o que evitar para mantê-lo baixo.

Colesterol: o que não comer

Todos nós sabemos que para viver bem e manter baixos os valores de colesterol (principalmente o colesterol ruim), é importante uma alimentação saudável. Bem como, incluindo grãos inteiros, frutas, vegetais e alimentos considerados normalmente saudáveis. Mas quais são os alimentos a evitar para o colesterol alto?

Alimentos considerados gordos e que precisam ser evitados:


colesterol alto
  • Carne vermelha (picanha, contro-filé, costela)
  • Salsichas (alimentos embutido é um veneno)
  • Miudezas
  • Laticínios gordurosos
  • Iogurte e leite integral
  • Gorduras e óleos vegetais
  • álcool (bebidas alcolicas)
  • Açúcar (doces em geral)
  • Lanches (fast food)
  • Produtos industrializados em geral
  • Alimentos a base de farinhas refinadas
  • Alimentos gordos e com corantes articiais

Provavelmente o leitor está se perguntando cadê os ovos da lista. A saber, ele não é tão prejudicial para a saúde como todos pensavam. Pelo contrário, é um dos alimentos mais completos que existem, principalmente se eles forem biológicos. Nesse caso, mesmo tendo colesterol alto, é possível consumir ovos cozidos pela manhã, almoço ou jantar. Entretanto, cabe ao médico dar o veredito final.

Nos últimos tempos, os ovos que até há pouco eram considerados proibidos foram exonerados da lista de alimentos a serem evitados. Atualmente, está entre os alimentos que podem ser incluídos com moderação desde que sejam de origem biológica. Isso ainda é controverso para alguns médicos. Todavia, por isso que é sempre melhor perguntar ao médico antes de consumir ovos.

Como se proteger do colesterol ruim

Além de evitar os alimentos mais prejudiciais, é importante seguir um estilo de vida saudável. Pratique esportes, coma em horários regulares, durma a quantidade certa e evite fumar.

Estas regras simples, aliadas a uma alimentação saudável e isenta de gorduras nocivas, são a primeira forma de se ajudar no combate ao colesterol e principalmente no combate ao colesterol mau (LDL). Ademais, que sempre foi considerado perigoso para o coração e a saúde em geral.

Pessoas que sofrem de colesterol precisam fazer caminhadas diariamente, ajuda muito no equilibro das taxas. Bem como, a dieta alimentar precisa ser a mais saudável possível. Rica em alimentos vegetais verdes por exemplo, em vitaminas, minerais e nutrientes. Esportes feitos na água, também são uma excelente alternativa para quem tem esse problema.


alimentos proibidos

10 alimentos para comer sem culpa

Determinados alimentos podem contribuir no controle das taxas de colesterol.  Uma coisa é certa, uma vez que você identificou que sofre desse problema, vai ter que se organizar e fazer mudanças no seu estilo de vida. Bem como, mudar a alimentação. Optar por alguns alimentos que melhoram e revertem esse quadro, pode ser um bom início.

1. Aveia – O primeiro passo fácil para melhorar o seu colesterol é comer pela manhã uma tigela de aveia. Adicione uma banana ou alguns morangos. O indicado para uma nutrição ideal é 20 a 35 gramas de fibra por dia, coma pelo menos 5 a 10 gramas provenientes de fibra solúvel.

2. Cevada e outros grãos integrais – Como a farinha de aveia e o farelo de aveia, a cevada e outros grãos inteiros podem ajudar a diminuir o risco de doença cardíaca, principalmente por meio da fibra solúvel que eles possuem.

3. Feijão – Os feijões são especialmente ricos em fibras solúveis. Eles também levam algum tempo para o corpo digerir, o que significa que você se sente saciado por mais tempo depois de uma refeição. Essa é uma das razões pelas quais o feijão é um alimento útil para pessoas que estão tentando perder peso, pois tira a fome por um bom tempo depois de ingeri-lo.

4. Berinjela – Vegetal de baixo teor calórico, é uma boa fonte de fibra solúvel.

5. Nozes – Estudos mostram que comer amêndoas, nozes, amendoim e outros frutos secos, é bom para o coração. Comer duas nozes por dia pode reduzir ligeiramente o LDL, que é o colesterol que não faz bem. As nozes possuem nutrientes adicionais que protegem o coração.

como combater o colesterol

6. Óleos vegetais

O uso de óleos vegetais líquidos, como canola, girassol, cártamo e outros, no lugar de manteiga, banha ao cozinhar ou à mesa, ajuda a baixar o LDL.

7. Maçãs, uvas, morangos, frutas cítricas – Essas frutas são ricas em pectina, um tipo de fibra solúvel que diminui LDL.

8. Soja – Comer soja e alimentos produzidos a partir deles, como o tofu e o leite de soja, é uma poderosa forma de baixar o colesterol.

9. Peixe – Comer peixes duas ou três vezes por semana pode diminuir o LDL de duas maneiras: substituindo a carne, que possui gorduras saturadas que aumentam o LDL e fornecendo gorduras ômega-3 que baixam LDL. Omega-3 reduz os triglicerídeos na corrente sanguínea e protege o coração.

10. Chocolate amargo – O leite e a manteiga de cacau acrescentam doses de gordura saturada na guloseima que provoca arrepios de desejo, principalmente nas mulheres. Mas o chocolate amargo pode fazer parte da sua dieta, porque é rico em flavonóides (substâncias que diminuem o LDL).

Mas do que baixar o mau colesterol, o consumo dos alimentos como frutas, vegetais, feijões e nozes são bons para o corpo, pois além de baixar o colesterol, mantém a pressão sanguínea sob controle. O seu consumo é bom para os ossos, saúde digestiva, visão e saúde mental. Saúde é primordial, não deixe de cuidar de seu colesterol.

Te convidamos a visitar nosso Instagram e nossa Página no Facebook… Se gostou, curta, compartilhe e nos ajude a divulgar conhecimento.


Deixe um comentário

error: Conteúdo Protegido!