Pão francês feito em casa, receitinha deliciosa e econômica

pão francêes faça e venda
Compartilhe esse post:
Compartilhar em facebook
Compartilhar em twitter
Compartilhar em pinterest
Compartilhar em whatsapp

A receita de hoje, é um pão francês caseiro, muito boa, simples e fácil de fazer. Além de econômica, você ainda pode fazer para vender ou simplesmente para seu consumo. Uma coisa é certa, você vai economizar muito fazendo seu pão francês em casa.

Estamos vivendo tempos bem difíceis, a pandemia que nunca termina, deixou muitas famílias com dificuldades financeiras. Nos supermercados, tudo subiu, alguns produtos dobraram de preço, outros triplicaram. Portanto, economizar é o único modo de sobreviver nesse contexto e nunca houve uma procura tão acentuada por receitas como agora.

A onda é fazer em casa, é aderir ao faça e venda, tudo que puder gerar renda e economia, é o que precisamos nesse momento tão delicado que o mundo está vivendo. A nossa receita do pão francês feito em casa, é uma alternativa simples e econômica que vai gerar economia doméstica no final do mês e vai nos ajudar nessa luta de todos os dias.

Leia também >> Pão de frigideira, super fácil de fácil, sem glúten

Leia também >>Pão caseiro que mais parece pão de queijo, maravilhoso


A receita do pão francês

Ingredientes para fazer a esponja

10 gramas de fermento biológico seco

04 Colheres de sopa de farinha de trigo

150 ml de água em temperatura ambiente

Ingredientes para fazer a massa

A Esponja da 1° Etapa

1 Sachê de Fermento biológico seco (10gr)


02 Colheres de Sopa de Açúcar

01 e ½ Colher de sopa de Sal

06 Xícaras de chá de farinha de trigo tradicional ( 1 kg)

Água bem gelada até dar o ponto

04 Colheres de sobremesa rasa de margarina ou banha

pão francês

Preparo da esponja

Primeiramente, vamos começar preparando a esponja. Portanto, em uma bacia de plástica, adicione 10g de fermento biológico para pão seco (eu uso dona benta). Posteriormente acrescente a as 4 colheres (sopa) farinha de trigo tradicional, sem fermento gente. Por fim, acrescente os 150ml água em temperatura ambiente. EM seguida, mexa bem até obter uma massa homogeneizada por completo e deixe descansar por uns 30 minutos ou até 40. Não tem problema se passar do ponto.

Para fazer o pão francês, é necessário preparar a esponja, que seria essa mistura que acabamos de preparar. Depois que ela descansar e crescer, ela fica parecida com uma esponja, por isso recebe esse nome. Diferente dos demais pães, o pão francês de padaria não leva na sua receita o melhorador para pães, ao contrário, somente a esponja. Depois que sua esponja cresceu, é hora de adicionar mais 10g de fermento biológico seco e começar a preparar a massa do pão francês.

Preparo da massa do pão francês

Depois de ter acrescento o fermento, mexa bem para hidratá-lo, até incorporar bem o segundo envelope a esponja. Em seguida, depois que o fermento estiver bem incorporado a esponja, adicione o açúcar e o sal e continue mexendo. Posteriormente, é hora de adicionar a farinha de trigo tradicional, no caso 6 xícaras aproximadamente.

Gente importante lembrar, que cada marca de farinha reage em um modo. Tem farinhas que são mais úmidas e no caso, 5 xícaras chega no ponto da massa de pão e tem farinhas mais secas que vai um pouco mais de 6 xícaras. Então, importante observar esses detalhes, a medida sugerida é 6 xícaras, mas pode servir um pouco mais de farinha como também, um pouco menos. Se você usa a mesma farinha sempre e conhece bem a farinha que está usando, fica mais fácil. Procure sempre usar uma farinha de qualidade.

Depois que misturou tudo, é hora de adicionar a farinha gelada, tem que ser bem gelada mesmo! Na minha água eu ponho gelo e deixo ficar bem gelada. Todavia, na hora de utilizar, eu retiro as pedras de gelo e começo aos poucos adicionar essa água gelada e vou sovando, e adicionando água gelada e sovando até chegar no ponto de massa de pão.

Ponto véu

O ponto da massa de mão é quando desgruda da mão, mas fica úmida e pegajosa, mesmo sendo pegajosa, ela desgruda das mãos e no caso na hora de sovar na mesa, é necessário ir polvilhando aos poucos a mesa e sovando sem parar, até que ela fique bem lisinha. Para quem nunca fez pão, existe um ponto chamado de “ponto véu”, como se fosse uma prova dos 9 e funciona perfeitamente.

Então, para saber se o seu pão está no ponto, polvilhe um polco de farinha na sua bancada, retire um pedacinho da sua massa, com a ajuda de um rolo abra essa massa, vai passando na farinha e abrindo a massa, até ela ficar lisinha e fininha. Em seguida, pegue na mão e com os dedos estique-a e observe que a massa não rasga, esse é o ponto véu, é o ponto de pão de padaria, não tem erro. Quando a massa está no ponto véu, ela não rasga de jeito nenhum, pode passar o dedo com vontade nela, de baixo para cima, como se quisesse furar, ela não vai furar e nem rasgar, ela vai esticar, esse é ponto!


Segunda parte

Deposite a massa para descansar na mesma bacia que você usou até agora, polvilhe farinha no fundo e, em seguida, deposite a massa para descanso. O tempo de repouso dela é aproximadamente uns 15 minutos. Enquanto a massa descansa, limpe sua bancada, lave bem suas mãos e posteriormente, unte sua bancada com manteiga ou banha. Bom mesmo é usar a Doriana ou a Quality, pois ambas possuem 80% de lipídeos.

Depois de ter untado a bancada, coloque a massa e abra ela com as mãos e então, adicione 4 colheres de margarina. Atenção, não pode ser manteiga. Em seguida, feche a massa e comece a sovar bem a massa até que a margarina esteja completamente incorporada a massa do pão. Observe que a massa, vai ficar tão úmida que vai começar a grudar na bancada de novo. Nesse caso, você precisa sovar por 3 a 5 minutos e a massa vai voltar a consistência anterior.

Novamente, adicione a massa na bacia que foi preparada a esponja, polvilhe farinha no fundo, e também polvilhe farinha por cima da massa depois de ter adicionada na bacia. Agora cubra com um pano e deixe a massa crescer até dobrar de volume.


Terceira parte

A massa já descansou e cresceu, portanto, é hora de separar os pães, separe um pouco de farinha para ir polvilhando a sua bancada e a massa. Depois de ter polvilhado sua bancada, despeje a massa e abra-a com cuidado para retirar toda o ar dela. Em seguida, corte essa massa em tiras. Depois, pegue uma tira e enrole sua tira. Posteriormente, com a ajuda da sua massa corte em pedaços com a medida dos 4 dedos da sua mão, ou seja, coloque a massa dentro da sua mão e use seus 4 dedos como medida de comprimento.

Faça isso em toda a sua massa, geralmente rente 32 pedaços. Se você tiver uma balança, pode pesar seus pedaços de massa, cada pãozinho geralmente deve ter 60g aproximadamente. A medida dos 4 dedos geralmente é perfeita e os pedaços ficam precisamente com 60g. Mas por medida de segurança, pese-os. Depois de ter pesado, comece a bolear pedaço por pedaço. Bolear é deixa as bolinhas, geralmente boleamos na mesa, ou na palma da mesa e deixamos a massa em forma de bola e posteriormente depositamos bolinha por bolinha na bancada enfarinhada.

Quando terminar de bolear tudo, volte na sua primeira bolinha, abra ela em cumprido e modele todos os pães e coloque-os dispostos nas assadeiras e reserve para que eles cresçam bem. O ideal é colocar dentro do forno desligado e deixar abafado até crescer por completo. Eles vão dobrar de volume. Outro detalhe, não cubra mais os pães. Depois de terem crescido, é hora de cortar em cima.


Portanto, pegue uma gilete nova, ou uma lâmina de estilete, sempre novas e faça os cortes com delicadeza em cima dos pães. Bem como, só corte na hora de pôr no forno, não pode cortar e deixar descansando. Quando o forno estiver já aquecido, borrife água sobre os pães e então leve para assar. Dentro do forno coloque uma forma pequena embaixo e coloque um pouco de água para manter a umidade.

Enfim…

20 minutos depois, os pães estão assados e prontos para serem consumidos, bom apetite, e para tirar qualquer dúvida, assista o vídeo com a receita e o passo a passo do pão francês. Fica muito gostoso, igual ao da padaria, mas feito em casa e com todo amor que você dedicado a sua família.

Te convidamos a visitar nosso Instagram e nossa Página no Facebook… Se gostou, curta, compartilhe e nos ajude a divulgar conhecimento.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido!