Brigadeiro suculento que não vai no fogo, feito no liquidificador

brigadeiro suculento
Compartilhe esse post:

Eu ainda não conheci ninguém que não gostasse de brigadeiro. A saber, essas bolinhas de chocolate chamadas de brigadeiro suculento são famosas em todo o mundo e muitos chefs tentam reproduzir. Eu já vi brigadeiro na Europa, na Ásia, nos Estados Unidos, mas os sabores são diferentes. Bem como, os nomes que eles levam, chegam a ser curioso. Brigadeiro como brasileiro faz, não tem. Uma explosão de sabor que faz qualquer criança ou adulto perder a cabeça. Festa de aniversário sem brigadeiro, não é festa. Essa é a mais pura verdade. Isso vale para festas infantis, de adultos, comemorações em geral. Brigadeiro suculento é como calmante para os nervos, principalmente para mulheres. Aqui em casa, independente de festas, comemorações, vez o outra eu faço, principalmente na TPM, no período menstrual, como é bom!

Leia também >> A melhor receita de doce de leite ninho, suculenta, fácil e deliciosa

Leia também >> Amendoim doce e crocante de festa, as crianças amam essa receita

Hoje em dia existem muitas variações de receitas de brigadeiros. Tem a receita tradicional e a mais antiga que vai no fogo, tem a gourmet que leva creme leite, tem o branco que é colorido artificialmente. Enfim, tem brigadeiro suculento para todos os gostos. Todavia, no meu caso, eu não renuncio ao tradicional. Aquele com leite condensado e cacau, que delícia! No entanto, recentemente aprendi a fazer uma versão que não vai no fogo e não leva margarina, testei algumas vezes, deu certo e confesso que gostei. Isso porque, primeiramente economizo gás, não vai margarina e isso reduz bem as calorias do doce e por fim, a praticidade de pôr tudo no liquidificador, liquidificar e levar para gelar. Na hora de enrolar, sem neuras, dá certinho, fica bem suculento por dentro e mantém o sabor tradicional.

Brigadeiro suculento

Será que os leitores conhecem a curiosa história do brigadeiro? A história e o nascimento do mais famoso e apreciado docinho de festa. A saber, O Brigadeiro nasceu no Brasil depois da Segunda Guerra Mundial (1939-1945). Naquele tempo, era muito difícil conseguir leite fresco e açúcar para se fazer receitas de doces. Aí, descobriram que a mistura de leite condensado e chocolate resultava em um docinho bem gostoso (Brigadeiro para presidente). Todavia, ainda faltava dar um nome para o novo doce. Na mesma época, aconteciam as eleições para presidente do Brasil, e um dos candidatos era o Brigadeiro Eduardo Gomes. Na campanha, ele utilizava uma propaganda engraçada, que ficou na boca do povo: “Vote no Brigadeiro que é bonito e solteiro”. Suas eleitoras batizaram o doce em homenagem ao candidato.


brigadeiro suculento

A saber, o candidato conquistou um grupo de fãs do Pacaembu, bairro de São Paulo, que organizaram festas para promover sua candidatura. Bem como, a guloseima feita de leite, ovos, manteiga, açúcar e chocolate tanto agradou que, numa das festas de campanha, foi feito o doce para arrecadar fundos. As mulheres que trabalhavam na campanha, em vez do “santinho” tradicional do candidato, distribuíam o docinho para ganhar votos. Com o tempo, o brigadeiro foi ficando cada vez melhor. Contudo, para enfeitá-lo e deixá-lo mais saboroso, foi inventado o chocolate granulado. Depois, outras receitas foram criadas a partir da original. Como as festas dos correligionários e cabos eleitorais eram muito disputadas pela população, estes logo começaram a chamar os amigos para irem comer o “docinho do Brigadeiro”.

A receita de brigadeiro

Com o tempo, o docinho virou prato principal nas festas de aniversário e segue até os dias de hoje como todos conhecemos. Como citado, ganhou inúmeras variações e modos de fazer, mas o sabor continua o mesmo. Foi um doce que caiu na graça dos brasileiros e que, de certa forma, se tornou obrigatório nas festas de aniversário e comemorações. Hoje em dia existem lojas especializadas em brigadeiros, bolos, tortas, tudo de brigadeiro suculento. De docinho na forminha, ele transformou-se em recheios, coberturas, trufas e muito mais. De acordo com pesquisas, é o doce mais consumido pelos brasileiros, principalmente pelo público adulto. Vamos a receita?

Ingredientes

  • 1 e 1/2 colher (sopa) de cacau em pó
  • 1 e 1/2 colher (sopa) de achocolatado
  • 1 caixa de leite condensado

Preparo

Não tem nenhum segredo, você vai precisar de um liquidificador potente, põe tudo no liquidificador e leva para liquidificar por 3 minutos. Em seguida, despeje em uma tigela refratária e leve para gelar por aproximadamente 4 horas. Está prontinho seu brigadeiro suculento para enrolar e passar no granulado, ou para consumir como desejar. Essa receita não serve como recheio de bolos, porque ela fica no ponto de enrolar. Esse é aquele brigadeiro que seca por fora e forma uma casquinha bem fininha mais resistente e dentro fica suculento, por isso, se chama brigadeiro suculento. Muito fácil de fazer, prático e rápido. Não faz bagunça na cozinha e ainda tem menos calorias que o tradicional que vai no fogo.


Te convidamos a visitar nosso Instagram e nossa Página no Facebook… Se gostou, curta, compartilhe e nos ajude a divulgar conhecimento.


error: Conteúdo Protegido!